10 maio 2013

O jornalismo moderno tem uma coisa a seu favor. Ao nos oferecer a opinião dos deseducados, ele mantém-nos em dia com a ignorância da comunidade." Oscar Wilde

@-“LULA ORGANIZA O MEIO  DE CAMPO: "Tenho ouvido o discurso que eles têm feito: a novidade do tomate. O que eles não sabem é que uma mulher calejada na luta como é essa (Dilma) não vai permitir que um tomatezinho quebre a economia de um país. E não vamos jogar tomate nos adversários. Precisamos ter consciência do que fizemos nesses dez anos. E do muito que tem que se fazer ainda. É possível fazer mais. Ainda há obstáculos a serem vencidos. Mas quem é melhor do que essa companheira (Dilma)? Este país já teve Getúlio, JK, Lula. Este país tem nessa senhora a pessoa que mais chegou preparada para governar. Nunca tivemos motivo para ter tanta tranquilidade quanto podemos ter agora. Queria pedir a vocês que a gente desse uma salva de palmas para o companheiro Maduro, da Venezuela. Com todo o respeito que eu tenho pelos americanos, o engraçado é que vira e mexe os americanos cismam de contestar eleição. Kennedy foi eleito contra Nixon com apenas 0,01% de vantagem. Por que eles não se preocupam um pouco com eles?" (Ex-Presidente Lula, homenageado na Assembléia Legislativa de Minas Gerais, nesta 2ª feira.” Carta Maior

@-Menino do Rio: 

@-Pesquisa tucana Nacional mostra: Marina Silva (Rede), com 31,7%, e Aécio Neves (PSDB), com 30,2%, estão em empate técnico no quesito “quem melhor representa oposição ao governo PT/Dilma”. Nela, a presidente Dilma aparece com 53% das intenções de voto, Marina Silva com 18%, Aécio Neves com 15% e Eduardo Campos com 6%.” A coisa ta feia no tucanato. É ai Serra?!

@-Só para constar: FMI: BRASIL, CAMPEÃO MUNDIAL EM REDUÇÃO DE DESEMPREGO DESDE 2008
*País apresentou o melhor desempenho em plena desordem neoliberal, seguido da Alemanha.
*Desemprego mínimo no Brasil: o melhor março da série; um crime contra o mercado (5,7%)
*Desemprego recorde na Espanha: 6,2 milhões na rua.  57% da juventude sem trabalho
 *Desemprego recorde na França: taxa é a maior desde 1997 * *Ramonet: 'Europa vive uma utopia negativa. É preciso dar poder aos cidadãos(Leia a entrevista nesta pág)
*Legislativo na Argentina aprova avanços na democratização do Judiciário: no Brasil Câmara hesita em submeter o STF ao Congresso. E o PT se escafedeu.” Carta Maior

@-Frase “A é” da Sambu: “Uma pessoa poderosa pode contratar um advogado poderoso com conexões no Judiciário, que pode ter contatos com juízes sem nenhum controle do Ministério Público ou da sociedade. E depois vêm as decisões surpreendentes”. Ministro do STF Joaquim Barbosa

@-Do Paraná Pesquisa: se a eleição presidencial fosse hoje, Dilma Rousseff (PT) teria com 17,39%, Lula (PT) com 5,31%, Aécio Neves (PSDB) com 2,79%, José Serra (PSDB) com 2,19%, Marina Silva (Rede) com 1,26% e Geraldo Alckmin (PSDB) 0,40%. Ainda na espontânea, até o ministro do STF, Joaquim Barbosa apareceu, mas com apenas 0,20% das intenções de voto. Os indecisos somaram 65,96%. Na estimulada, Dilma fez 50,83%, contra 15,86% de Marina Silva, 13,01% de Aécio Neves e 3,32% de Eduardo Campos.

@-Só para constar:


@-A 'FOLHA' POR DENTRO, DURANTE A DITADURA ‘Em 1970, a redação da Folha, no quarto andar de um prédio da Alameda Barão de Limeira, centro de São Paulo, era espacialmente dividida entre os jornais Folha de S.Paulo, Folha da Tarde e Última Hora e por policiais do DEOPS e do DOI-CODI. Eles espionavam diariamente os jornalistas e os colaboradores. Seguiam de perto, de modo especial, o jornalista Samuel Wainer,que havia negociado o jornal Ultima Hora com Otávio Frias de Oliveira. "Eles acompanham todos os meus passos e censuram as minhas informações", queixou-se comigo Wainer. "Eu posso ser preso a qualquer momento", desabafou. Certamente, o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, não sabia disto. Economista competente, com o qual trabalhei dois anos no Centro Ecumênico de Documentação e Informação (CEDI), Aloizio Mercadante desconhece também que eu fui um dos jornalistas presos em janeiro de 1974. No portão de entrada da Folha'. Dermi Azevedo, Carta Maior

@-“Com fama de linha dura, bronca e exigente, a presidente Dilma Rousseff tem seu lado receptivo para assuntos políticos, mas conta-se nos dedos o escrete para o qual ela dá atenção especial: o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, que ganhou confiança durante a campanha; o senador e ex-ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, amigo do primeiro ano de governo; e ganha destaque o ministro da Educação, Aloizio Mercadante. São os conselheiros, os poucos ouvidos por ela nos momentos tensos.” Leandro Mazzini, Correio do Brasil

@-Tesouro capta US$ 750 milhões no exterior com títulos de 2023. Taxa de retorno ao investidor ficou em 2,75%, maior que o rendimento de 2,686% da operação original, lançada em setembro do ano passado

@-“Um ano após o lançamento do Programa CAIXA Melhor Crédito, a carteira de crédito da CAIXA atingiu saldo de R$ 390,6 bilhões, evolução de 43% no período. Mais de 90% da carteira é classificada com ratings de AA a C. O banco encerrou o primeiro trimestre de 2013 com lucro líquido de R$ 1,3 bilhão, 12,5% maior que o obtido no mesmo período do ano passado, com retorno de 22,4% sobre o patrimônio líquido médio. As receitas totais atingiram R$ 21,5 bilhões, com evolução de 13,6%, enquanto as receitas com operações de crédito alcançaram R$ 9,9 bilhões, crescimento de 21,1%.” Caixa Econômica

@-Última: charge do Bessinha



Nenhum comentário: