27 janeiro 2010

"A intolerância irracional de muitos escusa ou justifica a hipocrisia ou dissimulação de alguns." Marquês de Marica

@-A mídia amiga tucana comemora o “recuo” de Aécio Neves! A mídia amiga tucana comemora a “porta aberta” para a entreaberta chapa puro sangue.

@-A verdade da “Porta Aberta” é inequívoca: José Serra deixou uma porta aberta [reeleição] no alagado Estado de São Paulo.

@-Aécio Neves Deixou uma portinhola aberta no duríssimo núcleo tucano paulistano.

@-A verdade das “Portas Abertas” é desesperadora!

@-Twitadas de José Serra: culpa do derretimento polar....do aquecimento global....culpa do El Ninho...culpa da La Ninha.....culpa do Lula...culpa do...culpa da....
@-Frase “Ele Nega” da Sambu: “O mensalão de Brasília não é do DEM, nunca foi. É de Arruda.” José Agripino Maia, líder do DEM no Senado

@-O eleitorado carioca não gostou nadica de nada do imbróglio eleitoral patrocinado pelo PV/PSDB. Os candidatos presidenciais Marina Silva e José Serra no mesmo programa eleitoral do PV&Afins vai confundir grande parcela do eleitorado e o politizado cidadão-eleitor “Zona Sul” ficará irritadíssimo com o balaio eleitoral inusitado.

@-Frase “Premiada” da Sambu: "O presidente do Brasil mostrou seu real compromisso com todos os atores globais. Seu compromisso foi de mãos dadas com sua luta contra a pobreza, sua busca pela justiça social, e sua ação para colocar o Brasil na vanguarda do crescimento econômico global" Fundador do Fórum Econômico Mundia, Klaus Schwab

@-Frase mais pronunciada pela “grande” mídia ou mídia amiga tucana: “Choveu o volume esperado para o mês inteiro”.

@-Frase “Desabafo” da Sambu: “A comunidade protesta por acordos que foram prometidos pela Prefeitura de São Paulo e não foram cumpridos. Por conta das chuvas de ontem o córrego do Jardim Lucélia alagou. Não apareceu nenhum bombeiro ou civil para ajudar os moradores. A situação agora é de conflito e por aqui tem aproximadamente 500 pessoas. Temos aqui Polícia Militar e Tático, mas já esteve aqui a Tropa de Choque. A manifestação ocorre na Av. Belmira Marin na altura do número 4400. A prefeitura havia prometido também limpar o córrego, mas nem isso foi feito.” Rodrigo Andrade, morador da Região e membro do coletivo Passa-palavra

@-Fotos (Rodrigo Andrade): Protesto e o descaso da Prefeitura de São Paulo:

@-Pergunta da Sambu: José Serra vai visitar o Campus Party?

@-Raios e trovoadas! O noticiário político dos jornalões só da PMDB/PT/PSB e a “brincadeira” do PSDB no Judiciário contra Dilma Rousseff. A candidatura de José Serra sumiu, desapareceu nas páginas dos matutinos-matutos, quando o temporal acabar, José Serra volta!

@-Nos jornalões: PMDB ameaça... PSB ameaça... PT ameaça.... PSDB chora... DEM estrebucha... PTB abandona... A mídia amiga tucana tenta jogar partículas de rochas em desagregação lamacenta, criar embaraços, mas a candidatura Dilma Rousseff ganha força, musculatura.

@-Enquanto isso: Aécio Neves pode voltar como REDENTOR no choroso e aguacento núcleo duro tucano. A conferir

@-Frase “Tenho Medo” da Sambu: “Eu quero tempo. Se Serra não resolveu as coisas dele, se Aécio ainda tem dúvida se é candidato ao Senado ou a vice, por que essa pressa em decidir aqui?” Jarbas Vasconcelos, Senador (PSDB-PB)

@-Penúltima: “...E nós vamos acabar com [PAC] ele.”
@-“O impetuoso prefeito de Nova Iguaçu, Lindberg Farias (PT), quem diria, agora faz parte do círculo de amizades do governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB). "Presidente, aqui está o meu mais novo grande amigo", foi assim que Cabral se referiu ao prefeito de Nova Iguaçu, Lindberg Farias (PT), em encontro dos dois com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva nesta segunda-feira, na Sala Cecília Meirelles, no Centro do Rio. Os ex-desafetos estrearam, oficialmente, a temporada de agendas comuns - Lindberg, de olho na prometida vaga de candidato ao Senado na chapa PT/PMDB, e Cabral, livre do fantasma de uma candidatura petista ao governo do Rio, com quem teria que dividir a presença de Lula ao longo da campanha. Mistério, ou não? As farpas entre o peemedebista e o petista, agora, reforçando, agora são coisas do passado.” Maurício Nogueira, Quid Novi

@-“Entre 2003 e 2009 o Brasil gerou 11.752.763 novos postos de trabalho, entre vagas celetistas e estatutárias, calculados com base nos dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais) e no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Em 2003, o número de trabalhadores no País era de 29.544.927, passando para 40.437.076, um aumento de 36,86%. Considerando apenas os trabalhadores com carteira assinada, calculados pelo Caged, nesse período foram gerados 8.716.082 postos de trabalho. O número de trabalhadores com carteira assinada no Brasil nesses sete anos teve uma elevação de 32%, passando de 24,9 milhões para 32,9 milhões de pessoas. O número de admitidos desde 2003 foi de 93,3 milhões e de desligados 84,5 milhões. Nesses sete anos, o saldo de empregos gerados durante o ano só ficou abaixo de um milhão de vagas em duas ocasiões: 2003 e 2009.” Em Questão

@-“O gasto de turistas estrangeiros no Brasil em 2009 foi o segundo melhor da série histórica desde 1947. Segundo o Banco Central, o país faturou US$ 5,3 bilhões com o dinheiro movimentado pelos estrangeiros no ano passado. Se comparado ao desempenho de 2003, que foi o ano em que o Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur) passou a fazer o trabalho de promoção turística internacional do Brasil, 2009 obteve um crescimento de 114% nos gastos de turistas estrangeiros.” ABr.

@-“A rede de hotéis Ibis, pertencente ao Grupo Accor anunciou a inauguração de mais uma unidade em Santa Catarina, o empreendimento contou com investimentos de aproximadamente R$ 12 milhões e será operado pela Accor Hospitality em sistema de franquia. Com isto a rede alcança a marca de 50 unidades em 34 cidades brasileiras, e espera abrir mais 8 unidades pelo País, ainda este ano.” DCI

@-“O Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi) deve registrar um faturamento em 2010 de 15% superior ao ano passado, quando o órgão teve uma arrecadação de R$ 202 milhões. Isso porque, de acordo com o presidente do Inpi, Jorge Ávila, a crise financeira internacional provocou um "soluço" no depósito de marcas e patentes, situação que deve ser revertida a partir de março deste ano.” Invertia

@-Última: charge do Clayton

Nenhum comentário: